Placa EVA é a matéria prima destaque na Francal

O sentimento que fica é que a Francal deveria durar pelo menos um mês. Calçados feitos com a placa EVA são as maiores inovações da feira.

Durante a abertura da 47ª Francal, com presença de empresários e autoridades, foi mantido um discurso otimista sobre a volta do crescimento que o setor calçadista deve ter neste segundo semestre. Depois de cair 5% no primeiro semestre, o varejo nacional precisa de motivação para voltar a vender. Já se pode perceber que se a motivação for inovação nos produtos, então o caminho é realmente otimista.

Modelos novos, principalmente os fabricados com placa EVA, estão sendo lançados este ano. Grande mudança no padrão das edições anteriores, quando se apresentava apenas novas cores e embalagens. Conceitos inovadores estão sendo apresentados para o varejo, atitude muito discutida em eventos das associações nos últimos meses. Realmente era preciso apresentar para o público um resultado diferente utilizando os mesmos materiais.

EVA Brasil prevê aumento nas vendas de placa de eva no segundo semestre

É possível pensar atualmente que se pode criar variações de chinelos e sandálias com a mesma placa EVA. Ao ouvir os clientes, grandes empresas de marketing e de pesquisa, perceberam oportunidades. Se dá mais abertura para explorar conceitos específicos para cada tipo de segmento de cliente, algo impensável até poucos anos atrás, principalmente ao se avaliar a produção em massa que é muito mais barato do personalizar.

Uma placa de eva pode e deve se transformar em muitos tipos de produtos diferentes, cada produto para uma persona diferente, dentro de um público-alvo maior. Faz-se uma quantidade menor diante do produto mais comum, mas se entrega mais valor e consequentemente pode-se cobrar mais por ele. O varejo já entende essa tendência e já avalia melhor a diversificação dos produtos dentro de suas lojas.

O e-commerce é uma boa oportunidade de vender para vários públicos diferentes sem grandes custos, pois na maioria dos casos as empresas que vendem pela internet não mantém grandes estoques. O inventário diminui e o dinheiro ao invés de ficar parado, começa a circular.

Veja mais informações da Feira no site da Francal: Feira Francal.

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *