Vendas de chinelos e sandálias prometem no 2º Semestre

O pessimismo do início do ano se transforma em otimismo, o mercado descobre os produtos que farão ou não sucesso nas lojas e as vendas de chinelos ficam por cima.

Um dos vários motivos do pessimismo na indústria calçadista do começo do ano passava pelas demissões da indústria brasileira. Isso transpareceu para os comerciantes que a economia e o desemprego diminuiria o consumo em todas as áreas. Só que o cenário montado ao final do primeiro semestre de 2015 é que de todos os segmentos da indústria no Brasil, uma das que receberia o menor impacto seria a calçadista.

A personalização aumentou as vendas de chinelos e sandálias, o que ajudou neste otimismo no setor calçadista, mas os lançamentos das feiras deste primeiro semestre motivaram ainda mais a fabricação e o consumo. Os lançamentos fugiram do “mesmismo” e “mais do mesmo” para peças inovadoras, re-leituras ou resgates de outras épocas com visuais mais ousados e modernos, dando ao consumidor motivos para mudar o visual com novas peças.

Feira em Las Vegas aumentam Vendas de Chinelos e Sandálias

As vendas de chinelos e sandálias entraram em definitivo em setores que antes achavam apenas temporário ou superficial, como eventos de casamentos, formaturas, aniversários, bodas, batizados, etc. Isso também aumentou consideravelmente a procura pelas máquinas de fazer chinelos e consequentemente as fábricas de chinelos e a produção destes.

A exportação também tem sido muito importante para o aumento das vendas de chinelos e sandálias, a Abicalçados em parceria com a Footwear levou pequenas, médias e grandes indústrias de calçados para feiras internacionais. Negociando mais de 50 milhões de reais em vendas e possivelmente esse valor aumente, com as negociações em andamento, até o final do ano.

O importante neste momento é perceber que estamos vivendo um momento importante para o desenvolvimento e crescimento do setor calçadista, praticamente remando contra a maré do pessimismo e números da economia brasileira.

Qual é a sua expectativa para esse 2º Semestre de 2015?

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *